FOTOS

Conheci no Japão, uma pessoa muito atenciosa com todas as pessoas, sejam familiares, seus colaboradores da Cooperativa, seu público, não medindo esforços em prestar maior atenção e cortesia. Inclusive, quando os meus filhos estavam ou passaram pela sua Província, ele levava frutas e telefonava, querendo saber como estavam e se precisavam de alguma coisa.

Uma ocasião em que os meus filhos participaram de uma excursão de estudantes brasileiros, ele tomou conhecimento de que eles estavam de passagem pela Província de Aomori, com destino à Província de Hokkaido. Mesmo não conseguindo entrar no navio que já estava de partida, pois residia numa cidade do interior de outro município, enviou destinado ao meu filho Márcio Massao, com as suas recomendações, uma grande quantidade de frutas que deu para distribuir para todos os membros da excursão. Enfim, fora muito atencioso.

Pelo seu carisma, foi escolhido para ser o representante da comunidade local para ser eleito Prefeito daquele distrito. Ele faleceu há 4 anos (em 2006) e se chamava Sr. Toyoaki Kudo.

Fiquei sabendo que ele, quando jovem, foi orientado pelo seu pai da seguinte forma:

"Sendo prestativo e atencioso para com todos, nunca terás prejuízo e além do mais, um dia terá retorno".

E realmente sua vida inteira foi cercada por pessoas que queriam seu bem e sempre teve muitos admiradores, deixando a marca da sua passagem neste mundo, sendo admirado e estimado por todos.

Era o seu desejo em vida, conhecer o Brasil. E aconteceu de um parente convidar a ele e sua esposa para conhecer este país maravilhoso que é o Brasil, que abrigam muitos dos seus patrícios e seus parentes, enviando a eles, 2 passagens de ida e volta e 30 dias de passeio pelo Brasil. Entre outros locais deste imenso Brasil, conheceu São Paulo, Rio de Janeiro e as Cataratas do Iguaçu que é a maior do mundo. De volta ao seu país, ele promoveu uma festa para mostrar as maravilhas da viagem que fez ao Brasil.

O ser humano vive de sentimentos, aquilo que acontece de bom ou de mal nunca é esquecido.

Seus colaboradores, amigos e clientes, sempre guardam boas ou más recordações dos contatos que mantém diariamente. Por essa razão, é preciso estar atento com as nossas palavras, nossos gestos, nossa fisionomia, nossos atos se estão agradando ou desagradando os nossos interlocutores.

Já foi dito que ser líder é ser aceito pelo que falamos e pelo que fazemos. Dessa forma, para ser bem sucedido é preciso ser aceito pelos outros, fazer o que traz simpatia, estima e bem querença.

Sendo sempre prestativo e atencioso, merecendo elogios pelos seus atos.

Há pessoas que dizem "eu sou realista, só falo a verdade, doa a quem doer", sem se importar se estão desagradando os seus semelhantes. Não perdoa nem a mãe.

Essas pessoas geralmente não são bem aceitas na sociedade.

É mais fácil ser aceito, sendo agradável, não machucando o sentimento das pessoas, pois essa cicatriz deixa uma marca inesquecível.

Sendo muito prestativo, só aumentará o número de pessoas que se tornarão amigas.


 

Voltar