FOTOS

Educação Ambiental
O caminho para desenvolver a conscientização do cidadão

Num tempo em que tanto se  fala de desenvolvimento sustentável,  a escola não pode se omitir desta questão. O direito à Educação ambiental está  previsto na Constituição brasileira e tem como objetivo principal proporcionar conhecimentos que resultem na mudança de comportamentos e atitudes em relação aos problemas ambientais. Sendo assim, a educação ambiental não pode se limitar a questões teóricas e abstratas, devendo confrontar os problemas ambientais identificados no nosso dia a dia, na sociedade da qual fazemos parte. 

A principal tarefa da escola é a formação do cidadão; sendo assim, ela tem a responsabilidade, ao lado da família, de desenvolver  a consciência crítica de seus alunos. A educação ambiental busca despertar a consciência de que o ser humano é parte do meio ambiente.

O Colégio Casagrande busca um cenário de aprendizagem visando preparar seus  alunos para que sejam cidadãos que possam atuar na proteção do ambiente. A proposta de Colégio visa à conscientização de que os recursos naturais são finitos, inclusive a água, e que seu uso deve ser feito de forma correta e moderada. Desse modo, a educação ambiental se faz em todos os níveis de ensino, desde a Educação Infantil até o Ensino Médio, envolvendo também os familiares e a toda a comunidade escolar, para que percebam que o desenvolvimento econômico e social deve ser compatível com a preservação da qualidade do Meio Ambiente.

Questões referentes à degradação ambiental, ao aquecimento global e à extinção da flora e fauna são temas recorrentes no planejamento pedagógico do Colégio, sendo trabalhados de forma transversal entre as diversas disciplinas, tendo como resultado um processo pedagógico interativo, que visa à compreensão  da importância das espécies, dos mecanismos naturais presentes no meio ambiente e a nossa relação com a natureza.

O Colégio Casagrande, em sua prática pedagógica, tem como objetivo desenvolver a conscientização do cidadão perante o meio ambiente, não apenas como um expectador, mas como um sujeito ativo, comprometido com a sua preservação.

Karla Christina Ferreira da Silva                            
Professora  do  Colégio  Casagrande  desde 1996
Graduada  pela UNESP
Licenciatura em Geografia  e Pedagogia


 

Voltar