FOTOS

Saiba o que Conversar



Que a mulher gosta mais de papo que o homem, isso todo mundo já sabe. Mas é importante saber distinguir as conversas. Papo com o marido é diferente do papo com as amigas; são assuntos diferentes, e logicamente deve ser assim. O homem precisa de aceitação, confiança e segurança para estar num relacionamento estável. Acredite: o marido só tomou coragem para pedir a esposa em casamento quando sentiu que era confiável e passava segurança para ele.

Sendo assim, conversas do tipo “minha amiga casada arrumou um amante” ou “fui paquerada hoje no supermercado” ou “recebi um e-mail duvidoso do meu chefe” não são indicadas para se ter com o marido, por favor. Esse tipo de assunto tratado entre parceiros com certeza poluirá a mente do outro e sujará os canais da relação.

Desnecessariamente, a mulher vai colocar uma pulguinha atrás da orelha do marido e vai deixá-lo inseguro, desconfiado e em estado de alerta total. E os resultados poderão ser brigas ou monitoramento 24 horas por dia. E não há coisa mais brochante que marido desconfiado, perguntando tudo, controlando tudo. Há mulheres que arriscam a saúde e a sanidade do seu casamento falando de assuntos desnecessários para testar o ciúme do marido. Definitivamente, não aconselho isso. O melhor a ser feito é procurar ajuda especializada para saber o motivo de ter esse gosto pela provocação e pelo ciúme do outro.

_______________________________________________________________
Carla Cecarello Psicóloga e Sexóloga  -  Coordenadora do Projeto AmbSex
www.projetoambsex.com.br


 

Voltar