FOTOS

A psicoterapia e sua importância na busca do autoconhecimento

 

Tornou-se comum procurar na psicoterapia soluções para os problemas do dia a dia. Há um novo compromisso na agenda dos brasileiros: consultar um psicoterapeuta. Atualmente é grande o número de pessoas que dedicam pelo menos uma hora por semana a contar suas dificuldades e angústias ao psicólogo.

Ao contrário do que ocorria no passado, quando só procurava psicoterapia quem passava por uma séria crise emocional ou era portador de doença mental, a maioria busca agora ajuda para resolver pendências diárias como estresse no trabalho, dificuldades de relacionamento, medo de ser assaltado, instabilidade econômica e até a angústia na hora de decidir que faculdade cursar. Compartilhar os conflitos aumenta a percepção das atitudes tomadas diante dos problemas.

Antes era muito comum as pessoas esconderem que faziam psicoterapia, temendo ser discriminadas. Hoje, ela faz parte da vida das pessoas na busca pelo autoconhecimento e satisfação pessoal. A popularidade da psicoterapia deve-se a um conjunto de fatores. Um deles é a maior facilidade de acesso. Encontramos profissionais em clínicas e consultórios particulares, postos de saúde, hospitais, e, por sua vez, hoje existe uma cobertura de até quarenta sessões anuais pelos planos médicos.

O segundo fator são as atribulações da vida moderna. Problemas econômicos e profissionais estão, por exemplo, na raiz de muitas crises de depressão. Somam-se a isso mudanças de comportamento. A ideia de que homem não chora e nem deve mostrar suas fraquezas caiu por terra. Hoje, valoriza-se homens que demostram sensibilidade, que não demonstram vergonha de exteriorizar as emoções nem se constrangem em buscar ajuda psicológica. Aliás, é grande o número de homens que procuram psicoterapia na atualidade.

As mulheres hoje, deparam-se com um turbilhão de atividades e responsabilidades como administrar carreira, casamento, filhos, casa, tudo ao mesmo tempo. Esse número de compromissos causa angústia e, é aí que entra o papel do psicoterapeuta. O objetivo da psicoterapia é fazer com que o paciente consiga tomar o rumo da própria vida, buscar novas formas de pensar, agir, sentir e estabelecer o equilíbrio diante das adversidades. É a compreensão de comportamentos, sentimentos e emoções para uma melhor qualidade de vida psíquica.

A psicoterapia é um procedimento para a satisfação sistemática de necessidades, a fim de permitir a evolução e a individualização do paciente. A personalidade saudável, dotada de autonomia e de autodireção, tem um forte sentido de identidade pessoal. É um espaço de crescimento e amadurecimento, para criar intimidade consigo mesmo. Proporciona um aprendizado para conduzir a vida, permitindo transformações profundas das pessoas. Afinal, a vida plena é um processo, não um estado de ser.

 

Por Renaura Silva Francisconi Pardal • CRP 35469-7 • Psicóloga Clínica e Psicopedagoga • Av. Amador Bueno da Veiga, 1.230  cj 1002 renaura.f@hotmail.com •  99299-0932 • 2791-4005 


 

Voltar