FOTOS

Cuidado com a selfie!

 

Nos dias de hoje é comum vermos pessoas fazendo as famosas selfies nos lugares mais inusitados, aliás me parece que quanto mais inusitado melhor. Ocorre que nem sempre esses lugares são seguros, principalmente quando a pessoa está distraída buscando o melhor ângulo para sua selfie.

A dias assisti uma reportagem onde uma garota dizia quase ter caído de um apartamento por ter debruçado na janela em busca do ângulo desejado, já o casal de médicos que passava férias numa pousada na região norte do país não teve a mesma sorte, ao encostarem num guarda corpo de madeira e fazendo aquela famosa pose de esticar o braço com a câmera e reclinar o corpo para traz exerceram sem perceber um sobre peso no guarda corpo que por sua vez não aguentou e rompeu, o casal despencou de uma altura aproximada de 4m causando sérios ferimentos no homem que foi internado em estado grave.

Pois bem temos que avaliar que por mais interessante que seja o momento nossa segurança deve ser prioridade, algumas pessoas arriscam- se a beira de abismos, perto de avenidas, no alto de pontes e viadutos, isso sem falar em motos e carros em movimento.

 


Estudos apontam que poucos segundos de distração no transito podem causar acidentes gravíssimos e não estamos considerando somente as selfies e sim toda ação imprudente como filmar, mandar mensagens ou falar ao celular.

Temos registros de pessoas que ao distrai-se fazendo uma selfie por exemplo em pedras a beira mar esquecem das ondas e são arrastadas quando as mesmas se chocam contra as pedras, causando graves acidentes, até mesmo fatais.

Portanto hoje gostaria de pedir que tomassem cuidado redobrado ao fazer suas selfies em lugares de risco, nunca se sabe o que pode acontecer ao encostar-se em vidraças, parapeitos, muretas é perigoso quando não sabemos as condições de manutenção das mesmas, veja geralmente as pessoas apoiam-se de costas nesses locais para que a paisagem fique ao fundo e em muitas situações exercem uma força extra, um sobrepeso principalmente quando trata-se de um grupo.

Pois bem está dado o recado afinal como alguém já disse cautela e canja de galinha não faz mal a ninguém.

 

 

Por Marcio Guastelli • fotógrafo


 

Voltar